ABOUT FREEDOM

A liberdade é um lugar atraente. O ser humano tem uma queda para aquilo que não pode ter e a realidade é que nenhum de nós é inteiramente livre. Talvez fiquemos perto de tal façanha atingida por poucos semelhantes mortais ao contemplar entidades superiores. Nem que seja o vento apocalíptico ou o céu cinzento na perseverante ameaça diluviana que hoje se fizeram sentir. Ou os nossos sonhos que, mesmo receosos dos pensamentos dos outros, são gigantes. Então, liberta. Toca. Grita. Sente. Aperta. Ri. Chora. Ama. Mas liberta. Transforma a liberdade num lugar banal. E sê livre.


Freedom is an attractive place. The human being has a thing for what he cannot have and the truth is that none of us is entirely free. However, I think we can be close of such achievement contemplating bigger things such as today’s apocalyptic wind or the gray sky threatening a flood. Or maybe our dreams that, even afraid of the other’s thoughts, are giant. Then release. Touch. Shout. Feel. Laugh. Cry. Love. But release. Transform freedom into an ordinary place. And be free.

f

1

5

6

 

9
4

20

c

2

ed

A
E SÊ LIVRE/AND BE FREE

Photo credits: Joana Lemos

Join the discussion One Comment

  • Carla says:

    Gostei imenso do texto Sara 🙂 a liberdade pode ser tanta coisa… tudo depende de como encaramos a vida e como agimos em cada instante 🙂
    As fotos também ficaram muito bonitas 🙂

    Um beijinho, Carla.
    Alana & Kyra

Leave a Reply